Sindicato dos Trabalhadores em Postos de Combustíveis da Bahia
/ segunda-feira, agosto 26, 2019
Notícias

Ato em Defesa da Justiça do Trabalho será dia 5

134views

Na próxima terça-feira (5), magistrados, procuradores e advogados promovem em Brasília (DF) o Ato Nacional em Defesa da Justiça do Trabalho. O evento é promovido pela Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra), em parceria com a Associação Nacional dos Procuradores do Trabalho (ANPT), a Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário Federal e do Ministério Público da União (Fenajufe), a Associação Brasileira de Advogados Trabalhistas (ABRAT) e o Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

O presidente da Anamatra, juiz Guilherme Feliciano, explica que o ato servirá para explicar a toda a sociedade a inteira importância da Justiça do Trabalho, que é patrimônio do cidadão. “Conclamamos todos para esse debate público e estamos abertos ao diálogo democrático”, afirma.

O ato nacional surgiu no esteio das diversas manifestações que durante todo o mês de janeiro reuniu juristas, entidades sindicais e representantes dos mais variados setores da sociedade em repúdio às declarações do presidente Jair Bolsonaro com ameaças à Justiça do Trabalho.

“A Justiça do Trabalho é, sim, uma justiça de cariz social; é a justiça que concretiza e promove os direitos sociais. Mas é também a justiça onde o bom empregador se socorre quando, por exemplo, é fiscalizado ou autuado contra a lei. Ela, Justiça do Trabalho, atende a todos e confere cidadania nas relações de trabalho, nos mais diferentes níveis ”, afirmou Feliciano.

Para o presidente da Anamatra, a mobilização nacional, a exemplo dos atos já realizados em vários estados, serve, especialmente, para dizer ao Parlamento um grande “não” às ideias de extinção da Justiça do Trabalho. “A Justiça do Trabalho permanecerá, porque ela é um patrimônio do povo brasileiro. Ela não acabará, porque integra a Constituição da República e, mais do que isso, integra a nossa sociedade e a nossa cultura, há mais de 75 anos”.

O Ato Nacional em Defesa da Justiça do Trabalho será realizado no Auditório Nereu Ramos, na Câmara dos Deputados, a partir das 14 horas.

www.horadopovo.org.br

 

Deixe uma resposta