Sindicato dos Trabalhadores em Postos de Combustíveis da Bahia
/ quarta-feira, agosto 21, 2019
Notícias

Forumat celebra Dia Municipal em Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho

32views

Forumat realizou evento, nesta sexta 9 de agosto, com o Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Construção – Sintracom-BA com a presença da deputada Olivia Santana e o presidente do Sindicato dos Bancários da Bahia, Augusto Vasconcelos,  em celebração alusivo ao dia Municipal em Memória das Vítimas de Acidente e Doenças Ocupacionais.

O Dia Municipal em Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho (Lei nº 9.064/2016) é celebrado em Salvador em 09/08, data que lembra o maior acidente de trabalho que aconteceu em Salvador, Bahia, um dos maiores do Brasil, em 2011. No início daquela manhã, nove operários subiam para começar mais um dia de trabalho, quando o elevador a cabo despencou do 25º andar, em um prédio comercial em construção, nas proximidades do Iguatemi.

Para marcar a data, a Agenda Bahia do Trabalho Decente, o Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Construção (Sintracom-BA) e o Fórum de Proteção ao Meio Ambiente do Trabalho – Forumat promoveram, nesta sexta-feira pela manhã, o Diálogo Diário de Segurança, sobre Segurança e Saúde no Setor da Construção, no canteiro de obras da Metro Engenharia, Praça Castro Alves, ao lado do Cine Glauber Rocha.

O Departamento de Saúde do Sintracom chama a atenção para a importância das Normas de Segurança do Trabalho (NRs) na preservação da vida do trabalhador. E acontece no momento em que o Governo Federal anuncia o fim das NRs, que desobriga as empresas a cumprirem as regras de segurança coletivas e individuais.

Isso é o prenúncio de tragédias de proporções inimagináveis. Coloca em perigo trabalhadores de diversas categorias, principalmente de atividades que envolvem risco de acidentes de trabalho, como é o caso do ramo da construção.

Os eventos e atividades de segurança e saúde no trabalho realizados pelo Sintracom-BA integram a campanha “Um Passo Pela Vida”, que o Sindicato lançou em julho de 2011, para chamar a atenção sobre os riscos de acidentes de trabalho no setor da construção, um mês antes da tragédia que resultou na morte dos nove operários: Antônio Reis do Carmo, Antônio Elias da Silva, Antônio Luiz Alves dos Reis, Hélio Sampaio, José Roque dos Santos, Jairo de Almeida Correia, Lourival Ferreira, Martinho Fernandes dos Santos e Manuel Bispo Pereira.

www.sintracom.org.br / jornalista Mery Bahia

 

Deixe uma resposta